Estudos lusófonos contemporâneos

IMG_2087

A proposta deste módulo é visitar o pensamento luso-brasileiro do final do século XIX até os dias de hoje, por meio de textos selecionados com o seguinte critério: os autores têm que dominar a cultura ocidental e expressá-la em portugês.

O módulo marca o encerramento do I Ciclo de Estudos Clássicos de Santos: projeto que conduziu um grupo de alunos desde textos da Grécia Antiga, passando por Roma e pelo medievo, até a modernidade. Agora, veremos como portugueses e brasileiros absorveram esta cultura e a trabalharam segundo as identidades nacionais destes povos lusíadas.

Iniciaremos pelo português Fernando Pessoa, lendo seu conto de raciocínio (ou conto filosófico) “O Banqueiro Anarquista”. Sua prosa pouco lida é riquíssima, bem humorada, profunda e une bem as últimas considerações feitas na aula bônus, com a perspectiva de um português do século XX.

Em seguida, leremos dois contos do escritor Machado de Assis, nos quais criticou duramente a mediocridade da cultura brasileira. São “Um homem célebre”, e “O Machete”. As relações entre cultura clássica e cultura popular são flagrantes nos textos selecionados. As reflexões sugeridas são inúmeras.

Depois, já no século XXI, leremos artigos selecionados de João Pereira Coutinho, nos quais veremos literatura e filosofia atacando questões políticas e culturais da atualidade, com uma linguagem bela, irônica e bem humorada.

Por fim, leremos uma apostila filosófica e alguns artigos de polêmica escritos por Olavo de Carvalho, em que podemos notar, também, talento de escritor, crítica cultural enraizada nos clássicos e uma clareza arrebatadora.

Valor R$ 60,00

IMG_0250